Páginas

terça-feira, agosto 25, 2015

"E aí chega um dia que a DOR some. A dor cessa, simplesmente não dói mais. Não porque a ferida fechou, mas porque passamos a não dar tanta importância para um mero arranhão que tratávamos como um corte de faca. Quando você passa a olhar a vida de outro ângulo, outra perspectiva, de uma forma mais positiva, você começa a ver o que realmente tem importância, o que nunca importou e que jamais vai importar para sua felicidade. Nossa maior perda é o tempo... o tempo que gastamos pensando em quem não merece sequer uma lembrança, o tempo de gastamos lamentando ao invés de agradecer, o tempo que não aproveitamos ao lado de quem realmente está do nosso lado.
 
 
Por um mundo onde cada um tenha o que mereça... onde cada um alcance sua felicidade sem estragar a felicidade dos outros... por um mundo mais belo... que começa dentro de cada um de nós... "

Nenhum comentário: